terça-feira, 27 de julho de 2010

No momento.

Por que saudade existe? Por que diabos ela tem que machucar?



Sim, saudade é necessária. Ela nos faz perceber o quanto alguém é importante. Ela nos faz crescer, ela pode até fortalecer.


Mas porque machuca tanto?


Sei também que é preciso sofrer, batalhar e perder para aprender. Mas não precisava machucar tanto assim.


Também é claro para mim que, quem já partiu, está por perto, eu sei, eu sinto. Mas cadê as risadas, cadê as histórias, cadê os ensinamentos, cadê toda aquela magia? Cadê o abraço, cadê o toque, cadê o perfume?


Não sei mais viver sem essa dor, ela me persegue há anos. Comecei o aprendizado do perder não faz muito tempo, mas leva tempo, leva lágrimas, leva noites, leva alegrias, leva pedaços da minha vida. Vai rasgando momentos que deveriam ser importantes e que não voltam.


Queria que fosse simples: SAI DAQUI TRISTEZA! SAI DAQUI DOR! Mas elas continuam aqui dentro, sem me largar.


E quando eu penso, eu lembro, eu sinto a presença. E isso dói, pelo abraço não dado, pela palavra não dita, pela atitude que não foi tomada.


Mas quem sabe, um dia eu consigo prender um pouco mais dessa tristeza e consiga sorrir mais e sofrer menos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário