domingo, 13 de fevereiro de 2011

Sentimentos estranhos.

Ser feliz, sentir-se bem... É tão estranho.
Pareço estar cometendo algum crime, algum pecado tão grande. Ser feliz? Me sentir bem? Isso parece uma loucura tão grande que me deixa confusa.
Parece que esses sentimentos bons que eu sinto não fazem parte de mim. Parecem distantes, de outro mundo ou de outra pessoa.
Ficaram longe de mim por tanto tempo que não é normal. Estar tudo tão bem, nada de brigas, nada de lágrimas, sentimentos de felicidade total, é simplesmente loucura.
E às vezes chega a dar medo. Porque isso tudo pode desmoronar a qualquer momento e tudo voltar a ser como sempre foi.
Às vezes parece que felicidade é algo que jamais deveria existir no meu dia-a-dia. E quando está tudo assim, eu entro em pânico.
E se tudo for passageiro? Se a tristeza, a angustia, o medo, as lágrimas voltarem? Eu agüento? Eu deixo tudo isso de lado e me agarro na felicidade e tudo dá certo?
É incrível, mas ser feliz me deixa com medo, me deixa desnorteada.
O que eu faço?
Vamos deixar assim, e quando tudo desmoronar, eu me agarro no raminho de felicidade que existe e sigo em frente.
Não vou deixar isso morrer, quero seguir assim, mesmo que seja confuso.